+

Inserção

A partir de 2016, o Mestrado e Doutorado em Administração do PPA-UEM passou a atuar com a área de concentração “Organizações e Mercado”. As duas linhas de pesquisa que balizam a estrutura do programa são(a) Organizações e Sociedade e (b) Marketing e Cadeias Produtivas. O esforço de trabalho do PPA-UEM conta simultaneamente com a experiência decorrente de mais de 15 anos de mestrado, com a oferta do curso de doutorado e com a execução do Programa Nacional de Pós-doutorado (PNPD/CAPES). O PPA-UEM possui diversas inserções, tais como as elencadas adiante.
 
 
INSERÇÃO LOCAL
O PPA-UEM é o único curso de Pós-Graduação em Administração na cidade de Maringá e também é o único curso de Pós-Graduação em Administração dentro de um raio de 80km. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Maringá possui uma população de 403.063 habitantes e sua Região Metropolitana conta com 754.570 habitantes (IBGE/2015). A Região Metropolitana de Maringá compreende os municípios de Ângulo, Iguaraçu, Mandaguaçu, Mandaguari, Marialva, Maringá, Paiçandu e Sarandi. Em 2005, com a inclusão de Astorga, Doutor Camargo, Itambé, Ivatuba e Presidente Castelo Branco.
Em termos locais, o PPA-UEM busca formar os mais qualificados docentes para ensino e pesquisa atendendo mais de 10 Institutos de Ensino Superior cadastrados no MEC (Ex. UNICESUMAR, UNIFAMMA, FCV, EFICAZ, FEITEP, ALVORADA, Faculdade Maringá, PUC-PR, FAINSEP, etc). O PPA-UEM é fundamental para a formação profissional do Administrador, contribuindo com ensino, pesquisa e extensão para a formação local dos mais de 500 graduandos que as instituições da cidade graduam anualmente. O Departamento de Administração da UEM e o PPA-UEM atuam há mais de 35 anos na organização da Semana do Administrador (SEMAD). Anualmente, diversos alunos do município e do Estado submetem seus trabalhos para o evento. O evento está consolidado localmente, tendo proporções regionais.
 
INSERÇÃO REGIONAL
 A Mesorregião do Noroeste Paranaense ou Norte Novíssimo é uma das dez mesorregiões, do estado do Paraná, no Brasil. É formada pela união de 61 municípios agrupados em três microrregiões (IBGE, 2003). Os limites regionais são: Centro Ocidental Paranaense; Norte Central Paranaense; Oeste Paranaense; Leste de Mato Grosso do Sul (MS); Sudoeste de Mato Grosso do Sul; Presidente Prudente (SP). No que tange ao impacto do curso regionalmente, destacamos que assim como ocorre com a própria UEM, e como ocorria com o curso oferecido pelo consórcio UEM/UEL, o PPA-UEM atende à grande demanda por formação pós-graduada em uma vasta região que abrange não apenas o interior do Estado do Paraná (PR), como também parte do interior do Estado de São Paulo (SP) e do Mato Grosso do Sul (MS), além de outras regiões do país.
Nessas regiões, com predominância de economia baseada na agricultura e em organizações voltadas à prestação de serviços e ao pequeno negócio (ainda que com grande expansão industrial recente), os estudos desenvolvidos no âmbito do PPA-UEM, cumprem importante papel para a sustentação e desenvolvimento econômico e social dos Municípios, do Estado e da Região mais ampla na qual o curso se insere.
A mesorregião do noroeste do Paraná recebe egressos do PPA-UEM para atuar em diversas Instituições de Ensino, tais como UNESPAR, UFPR, UTFPR, IFPR, UNIOESTE, UNICENTRO, FECEA, UEPG, UEL, UNILA, UENP, dentre outras. De acordo com Ana Margo Mantovani (2003), em Paraná Economia, “a economia do Paraná baseia-se na agricultura (cana-de-açúcar, milho, soja, trigo, café, mandioca), na indústria (agroindústria, indústria automobilística, papel e celulose) e no extrativismo vegetal (madeira e erva-mate)”. O PPA-UEM atende à grande demanda por formação na área do agronegócio por meio de uma de suas linhas de pesquisa.
 
INSERÇÃO INTERNACIONAL
O PPA-UEM possui parcerias fixas com universidades internacionais. Os alunos possuem possibilidade formal de participar de intercâmbio em universidades como Universidade de Purpam (France), Universidade du Quebec (Canada), Universidade Estadual do Kansas (USA) e Universidade Perudia (Italy). Os alunos PPA-UEM também possuem a oportunidade de realização de pesquisas em instituições em que os docentes realizaram estágios de pós-doutoramento, tais como Universidade de Colonia (Germany) e Universidade Gregoriana (Italy).
 
INSERÇÃO GEOGRÁFICA
Cabe observar que o PPA-UEM está inserido, geograficamente, na segunda região mais populosa do Estado do Paraná (o Noroeste do Estado, também chamado Norte Novo), instalado na terceira maior cidade em termos populacionais, que é polo de uma região com cerca de 130 municípios, com aproximadamente 2,5 milhões de habitantes (Maringá).
Os alunos inscritos em todos os cursos da UEM são provenientes de praticamente todas as regiões do país, com maior concentração de alunos provenientes do Estado do Paraná (Campo Mourão, Cascavel, Londrina, Ponta Grossa, Umuarama, Cianorte, etc), do Estados de São Paulo (Presidente Prudente, Ourinhos, Assis, Marilia, Bauru, etc) e do Estado do Mato Grosso do Sul (Dourados, Nova Andradina, Jardim, Ivinhema).
De acordo com o site do jornal Gazeta do Povo, até 2013 “Maringá se mantém como o terceiro maior município do Paraná e o sétimo da Região Sul do país. É o que aponta o levantamento divulgado [...] pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com a projeção da população, a cidade conta com 385.753 moradores”. De acordo com o IBGE 2016, Maringá possui 403.063 mil habitantes, IDH-M 0,80 (segundo no estado do Paraná), PIB de R$ 8.263.628,00 (Brasil ranking número 68º). Maiores informações sobre Maringá visite www2.maringa.pr.gov.br
 
INSERÇÃO DA FORMAÇÃO DISCENTE
O PPA-UEM possui mais de 15 anos de história e já formou mais de 230 alunos. Uma média de 15,33 profissionais diplomados por ano. Os diversos discentes egressos do programa foram selecionados e atuam nas instituições públicas e privadas no Estado do Paraná. Diversos alunos atuam nas áreas correlacionadas da Administração, tais como Organizações, Inovação, Recursos Humanos, Empreendedorismo, Marketing, Finanças, Produção, Operações, Agronegócio e Métodos Quantitativos. Os egressos do PPA-UEM atuam como pesquisadores, coordenadores, professores e gestores de Universidades, Faculdades ou Centros de Ensino.
 
INSERÇÃO DO CORPO DOCENTE
Quanto ao seu corpo docente, o programa conta com professores permanentes, em regime de dedicação integral ao ensino e pesquisa. Mais de 50% dos docentes do curso possuem Pós-Doutorado na área de Administração. Diversos docentes coordenam projetos de extensão, ensino, pesquisa, cooperação internacional e assumem cargos de chefia, coordenação e representação nas instâncias superiores da Universidade.
Desse corpo docente, fazem parte ainda professores com bolsa-produtividade do CNPq e/ou da Fundação Araucária. A obtenção de recursos externos pelos docentes (ex. Financiamentos) por intermédio dos diversos programas disponíveis também é recorrente no programa. Os professores são, em geral, altamente atuantes na área da Administração e em áreas correlatas, com envolvimento na avaliação de artigos científicos para eventos nacionais e internacionais, para várias revistas nacionais e internacionais, avaliação de projetos submetidos aos órgãos de fomento, como CAPES, CNPq e Fundação Araucária, participação na ANPAD, dentre outros.
Todos os professores do PPA atuam também na graduação, com aulas e também com orientação de trabalhos de conclusão de cursos e orientação de projetos de iniciação científica. 
Inserção do PPA-UEM